quarta-feira, 5 de dezembro de 2012

Yoko, Oh No!

Figura admirada, figura odiada, Yoko Ono é uma patrona das Artes e da Moda (sim, com maíusculas), é autora, criativa, activista, artista... you name it. No último mês deu o nome e a cara por duas colaborações com duas grandes marcas de roupa. Se funcionaram ou não, vejam por vocês mesmos. 

Prova A: 
Yoko Ono + Zara.
A palavra de ordem é sleek
Á falta de palavra que melhor o decreva, em português, é mesmo isso: limpo, preto & branco, t-shirts a brincar com a androgenia. Complementa a estética que a Zara tem vindo a seguir, de sofisticação sóbria e relaxada. Por aqui, gostamos, as t-shirts podiam vir viver nos nossos armários. 

Prova B: 
Yoko Ono + Opening Ceremony

-O que é isto? Ah sim, são os nossos olhos a sangrar com a visão de tanta coisa horrivel!-

À primeira vista parecia uma piada. E à segunda vista, e à terceira, e quando as lágrimas de riso não nos deixavam em paz, lemos o briefing da colecção, e daí, o choque maior:  Yoko criou esta colecção de moda masculina, inspirada na sexualidade e sensualidade de John Lennon, o seu eterno marido. Sim, foi desenhada em 1969 e finalmente veio à luz em 2012, pela mão (criminosa) da Opening Ceremony, (que tem fama de vender peças, digamos, suis generis). Na nossa humilde opinião, devia ter sido enterrada, ou queimada, ou queimada e enterrada. As peças preferidas? Quase impossível escolher, mas as botas peep toe da foto acima (ouch 750$) e o soutien masculino com LEDs, que custa 250 dólares têm que ser as peças mais horrendas inspiradas. Agora a grande questão: Será que temos falta de visão, será isto avant- garde, seremos antiquadas, ou isto é mesmo horrível?

O nosso conselho de leigas para a senhora Yoko? Nunca mais tente homenagear a sensualidade do icónico marido, desta forma tão "especial", e fique-se pelas t-shirts...

4 comentários:

Sara Esteves disse...

xD Oh God! xD

Vá, vamos separar as coisas racionalmente depois de analisadas as provas:
- Yoko Ono =roupa, Moda, Fashion
- Jonh Lenon = musica. E não sai de lá em mais nenhuma espécie ou forma de expressão.

Opah, que horror mesmo xD
***sara

Petit Plaisir disse...

Olá Sara! Mas sabes que lemos alguns comentários a dizer que a colecção roça o genial, o provocador, o brilhante... vá se lá entender! :D

Jay disse...

A t'shirt da Zara...até me deu qualquer coisa com o preço. Um exagero...

Petit Plaisir disse...

Pois é, são caríssimas! ouch!